segunda-feira, 28 de maio de 2012

A Breve Segunda Vida de Bree Tanner de Stephenie Meyer


A maioria das pessoas que leu a saga Crepúsculo apaixonou-se por Edward, sentiu raiva de Bella e pena de Jacob. Mais do que isso, acompanhou com ansiedade as aventuras vividas por eles. Pouca gente no entanto, lembra de Bree, a recém-criada. 

E é a história dela que Stephenie resolveu nos contar. Quando começamos a ler sobre ela, pensamos entediados porque estamos nos dando ao trabalho de acompanhar a história daquela vampira que nem lembramos direito. 

Só que sabemos que logo, logo ela nos levará até o trio de Crepúsculo e por isso seguimos com Bree, observando todas as confusões que os recém-criados estão causando.

E então, surpresos, nos pegamos apaixonados por aquela nova vampira, torcendo por ela, desejando que ela tenha um final feliz. Quem sabe ela não é adotada pelos Cullen?

A esta altura porém, já sabemos quem é aquela vampira assustada e o que acontecerá com ela. Mesmo assim torcemos até o final e ficamos tristes, muito tristes quando tudo se confirma. Mas não havia nada que pudesse ser feito, porque o destino de Bree foi selado bem antes, lá atrás, em Eclipse, quando estávamos tão focados nos Cullen, e em sua luta, que nem prestamos atenção na pequena Bree, na pobre Bree.

Stephenie Meyer

Stephenie Meyer nasceu em 24 de Dezembro de 1973 em Connecticut e cresceu no Arizona com cinco irmãos. Ficou muito conhecida pela saga Crepúsculo, que fala do amor entre o vampiro Edward e a humana Bella.